terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Mais uma vez

(imagem: ela2 - tirada de: pensadora2.blogs.sapo.pt)

Eunice segue a estrada
O sol vai alto
Queimando o asfalto
E o coração em brasa
Queimando os sentidos
- Poderia ser um sonho...

Eunice segue a canção
Sua vida daria um blue
E apesar de tanta dor
Ela vê flores onde passa
E apesar de tanto amor...
- Agora são só flores, mais nada

Eunice segue no asfalto
Enquanto o sol queima os sentidos
E o coração em brasa
Turva o caminho
Quase perdendo de vista
A linha dessa estrada

Eunice segue as estrelas
E num planeta distante
Encontra ela mesma. Eunice:
Por que esperar até o ápice, desesperada?
Começa de novo a história linda
De quando nossas vidas eram como flores
E eram só flores, mais nada.

(Escrito em 02/08/06)

4 comentários:

Escritor Analfabeto disse...

Poxa cara, gostei, principalmente do final: e eram flores, mais nada.

Nathacha disse...

Apenas um aviso que estou te seguindo!
Prometo voltar para comentar
http://medicinepractises.blogspot.com/

Viaggio Mondo - assessoria comunicação disse...

Olá!

Seu blog é muito bom, adorei!

Quero aproveitar para te convidar à conhecer meu blog também e participar da Promoção 1001 Seguidores. Como prêmio você pode levar para casa uma das agendas 2011 recheadas de fotos dos mais de 40 países que visitei! Se quiser, traz seus amigos e leitores também! :D

Te aguardo! :)

Bjos!

Jaquellinee disse...

Du meu querido,tem selinhos pra vc lá no meu blog,dê uma passadinha lá.Bjs

http://jaquellinee.blogspot.com/2010/12/repassando-os-selos.html